A partir do dia 10 de junho, uma certa porcentagem de usuários não poderá mais utilizar a Carteira virtual do Google para fazer pagamentos com seus telefones ou smartwatches.

O Google atualizou os requisitos mínimos do aplicativo de pagamento, tanto para o Android quanto para o sistema operacional Wear OS.

Os novos requisitos mínimos para Android e Wear OS

Conforme descrito em uma página de suporte chamada “Sua versão do Android não é compatível com a Carteira virtual do Google”, a partir do dia 10 de junho de 2024, o requisito mínimo para utilizar a Carteira virtual do Google será o Android 9 e o Wear OS 2.x.

Isso significa que todos os smartphones e smartwatches que ainda estão rodando o Android Nougat, Oreo (Android 7 e 8 respectivamente) e versões anteriores não poderão mais utilizar a ferramenta de pagamento. Isso representa cerca de 13% do total de dispositivos Android, de acordo com dados de outubro de 2023.

No caso do Wear OS, é importante lembrar que o Wear OS 2 foi baseado no lançamento do Android 8.0 Oreo, mas posteriormente foi atualizado para o Android 9.0 Pie.

Os motivos da mudança

De acordo com a Google, as razões para essa mudança estão relacionadas à segurança, já que “atualizações de segurança no Android não estão disponíveis para versões inferiores ao 9”.

O Google afirma que, para “manter as operações da Carteira de forma segura, como transações de toque para pagar, precisamos ser capazes de enviar atualizações de segurança para o seu dispositivo”.